Viva Van

Eu tô ficando mais eu. Não só porque gosto de ser eu. Mas porque preciso ser eu. Que o guia da minha jornada seja o amor.

Van Gogh foi muito ele. Do contrário, não teria criado do jeito que criou. Viva Van.

Padrão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s