Lancei o meu grito bárbaro sobre os telhados do mundo

Lancei o meu grito bárbaro sobre os telhados do mundo

A origem onomatopeica da palavra bárbaro, segundo Stephen Ullmann, “começou por ser uma imitação dos ruídos bizarros produzidos por uma língua estrangeira incompreensível, mas nada do significado e da motivação originais permanece no inglês brave, francês brave, alemão brav etc., que, com todas as possibilidades, derivam da palavra latina; não estará afastado do primitivo o efeito da ‘barbarous dissonance ‘ de Milton (Paradise Lost, Livro VII, v. 32) ou no verso de Walt Whitman: “I sound my barbaric yawp over the roofs of the world .” (Song of Myself)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s